Sintetizando: Game of Thrones – 7ª Temporada 3º Episódio (The Queen’s Justice)

Olá, queridos nerds!

Hoje vamos discutir um pouco sobre o terceiro episódio da nova temporada de Game of Thrones!

Sinopse

Daenerys detém o controle da corte. Cersei retorna um presente, ao passo que Jaime aprende a partir de seus próprios erros (Fonte: HBO GO).

 

Opinião do Síntese Nerd

Já pelo título do episódio, podemos ter uma ideia de seu tom, apesar de ainda não sabermos à justiça de qual rainha ele se refere (se Cersei ou Daenerys). Contudo, a chegada de Euron Greyjoy em Porto Real já nos revela que quem fará “justiça” será Cersei. Nos moldes de Cersei Lannister, obviamente.

CerseiDesde a primeira temporada, acompanhamos o crescimento da loucura de Cersei, mas confesso que nesse episódio me surpreendi, pois acreditava que existia um limite para a vingança regada a crueldade, mesmo aquela praticada por Cersei. Não, não existe mesmo. A criatividade dela nesses assuntos é bem desenvolvida. Apesar de Ellaria e sua filha não serem personagens muito queridas, a aflição em saber seu destino pra mim foi grande.

No núcleo de Pedra do Dragão, tivemos finalmente o Jonaerys – o encontro de Jon com Daenerys. Demorou bastante a acontecer, e quando aconteceu foi interessante, mas cansativo. Um diálogo longo e cheio de nada que a mim pareceram joguinhos de poder de dois adolescentes que se apaixonaram à primeira vista e que não querem dar o braço a torcer. E que fique muito claro: não estou shipando! Vou, inclusive, odiar se eles ficarem juntos, pois não é do feitio de GoT juntar os dois heróis e simplesmente clamar que eles sejam felizes para sempre. Aliados na guerra, sim. Amantes, não, por favor.

tiryonO Tyrion, por outro lado, parece que voltou a ser o Tyrion que conhecemos e pelo qual nos apaixonamos na primeira temporada. Alguém que sofre imensamente por pensar demais – tamo junto, Tyty! – e que também faz disso sua fortaleza e se prova a melhor Mão que qualquer rainha poderia ter. Talvez um pouco deficitário em termos de estratégia de guerra, mas certamente aprendendo sempre.

Já em Winterfell, vimos Sansa agindo como uma verdadeira líder da comunidade e se dando muito bem com o posto deixado pra si na ausência de Jon (na verdade, talvez mais eficiente que Jon Snow). No entanto, acaba por enfraquecer assim que se encontra com seu irmão, Bran, que mais parece ter saído do reino da frieza e indiferença. Não gostei nem um pouco do diálogo dos dois ao lado da árvore-coração, em que Bran conta ser o Corvo-de-Três-Olhos, mas se recusa a explicar pra irmã o que isso quer dizer, apesar dela demonstrar totais crença e interesse. Ele prefere provar pra ela da pior forma possível: mostrando que sabe tudo que aconteceu na noite de seu casamento com Ramsay. Detestei o fato de parecer que toda vez que a Sansa se fortalece e se sente mais confiante, algum homem aparece para enfraquecê-la.

Queens-Justice-SansaPor fim, tivemos o Verme Cinzento liderando os Imaculados na invasão a Rochedo Casterly, e se dando conta de que tal invasão na verdade representou outra batalha perdida, já que tiveram sua frota destruída pelo exército Greyjoy, enquanto que a maior parte do exército Lannister, liderada por Jaime, invadia Jardim de Cima, local mais rico de Westeros, atualmente, e que havia se aliado contra os Lannister na guerra. Um destaque para a cena final, em que Olenna mostrou ser “a” cara até na hora de morrer! Mais legal que a fala dela, só teria sido mesmo a reação da Cersei ao ouvir da própria Olenna que ela matou Joffrey.

olenna

E o episódio se encerrou deixando a seguinte pergunta no ar: Cersei tem algum infiltrado dentre as pessoas de confiança de Daenerys que está revelando cada passo que Tyrion propõe na guerra?

P.S.: dois momentos do episódio foram bem esquisitos e nem quis falar sobre eles aqui: Sir Jorah se curando da doença mais mortal do mundo DE. UM. DIA. PARA. O. OUTRO, literalmente, e a atuação do ator que interpreta Euron (Johan Philip Asbæk), que pra mim não está soando como um legítimo vilão, mas como um cara que quer parecer muito malvadão e descoladão, mas que tem sido apenas sacal e bobo da corte.

 

Se você curtiu esse post, deixe aí seu comentário e siga-nos nas redes sociais!

Imagens de divulgação. Se alguma imagem utilizada for de sua autoria, entre em contato conosco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: